MAIS UMA VIAGEM À BEIJING: CONTINUANDO O APRIMORAMENTO DO SHUAIJIAO

Quando fui a primeira vez à China em 1992, para o campeonato mundial em Taiwan, não tinha ideia que voltaria mais vezes por um motivo específico. Durante o trabalho frente ao Departamento Técnico de Shuaijiao da Confederação Brasileira de Kungfu Wushu, senti a necessidade de maior aprofundamento dos conhecimentos sobre o Shuaijiao. Em conversa com o Mestre Nereu Graballos, fui orientado a procurar uma escola nos Estados Unidos da América (EUA) em primeiro lugar. Era mais perto do Brasil, a passagem era mais barata e a cultura mais próxima a nossa. Fiz uma busca extensa, mas estava procurando uma escola diferente da que eu tinha aprendido originalmente. Ampliar o horizonte era a meta. Mas dos EUA não obtive resposta na época. Apesar da dificuldade não desisti.

CAMP LI BAORU (3)

A internet foi uma ótima ferramenta de busca para mim, me ajudou a encontrar um Camp de Shuaijiao em Beijing que aconteceria do dia 12 ao 27 de outubro de 2008. Para minha sorte era um Camp conduzido pelo Mestre Li Baoru. O nome do evento era LI BAORU SHUAIJIAO MASTERS CAMP. Entrei em contato com um dos organizadores, um neozelandês chamado Michael Wix, que me deu todas as informações e fez a minha inscrição no evento.

CAMP LI BAORU 2 (2)

Como era o ano dos Jogos Olímpicos de Beijing, a autorização para a realização do Camp não foi liberada pelo governo chinês, então recebi um email sobre o cancelamento do evento. Todo evento realizado em território chinês precisa da autorização do governo para acontecer.

Fiquei decepcionado, mas enviei um email para o Michael perguntando se poderia ir mesmo sem o evento. Ele me respondeu prontamente dizendo que eu poderia ir, mas não haveria certificação. Respondi à ele que não estava buscando certificação, mas conhecimento. Queria aprender mais. Assim, fui à China novamente, só que agora era para aprender Shuaijiao  em uma das escolas mais famosas daquele país.

Fui recepcionado pelo Mestre Kao Chian Tou, que a pedido do Mestre Nereu Graballos me auxiliou em tudo no meu primeiro contado com os Mestres Li Baoru e Ma Jianguo. Fiquei hospedado na casa do Mestre Kao, ao qual sou eternamente grato por essa possibilidade e facilidade de ficar na China com pouco gasto. Permaneci lá por 40 dias treinando na academia do Mestre Ma, sob sua supervisão e também do Mestre Li.

Muito aprendi nesse primeiro contato com o Shuaijiao de Beijing, fiz boas amizades. Lá estavam alunos da Nova Zelândia, Alemanha e Suíça. O conhecimento que trouxe para o Brasil logo fiz questão de compartilhar com os amigos, alunos e professores que trabalham junto comigo. Foi um grande avanço no conhecimento sobre o Shuaijiao e sua cultura, além de novas amizades.

Em 2012 organizei uma nova viagem à Beijing, para continuar o meu aprendizado com o Mestre Ma Jianguo.  Apesar da supervisão do Mestre Li, era ele quem se responsabilizava pelo meu aprendizado. Assim, fiquei treinando em Beijing por mais 21 dias, mas agora na companhia de Enrique Ortega, que viajou comigo por sugestão do Mestre Nereu Graballos.

Li Baoru Ma Jianguo Antunes 2

Novamente o aprendizado foi surpreendente. O nível dos mestres é muito alto, e realmente me faziam avançar a cada encontro, a melhorar cada vez mais. Mesmo com 79 anos de idade na época, Mestre Li demonstrava uma vitalidade impressionante, fruto de uma vida dedicada ao Shuaijiao.  Eu me sentia uma criança perto dele. O que mais se destacava nos treinamentos era a descontração e a alegria com a qual conduziam as aulas. Essa descontração contagiava e permitia uma intimidade que só favoreceu o desenvolvimento da aprendizagem. Uma lição para toda a vida. Aquele estereótipo do mestre inatingível, que só dá ordens desconexas e sem sentido não fazia parte daquele ambiente. A amizade e a alegria estavam sempre presente. Como não aprender em um ambiente como esse?

Li Baoru Antunes 2

É por essa gama de boas experiências que a terceira viagem à China só está gerando boas expectativas. Novamente estou voltando para treinar e aprender Shuaijiao na fonte, na origem. Mas agora um pouco mais maduro, com um pouco mais de conhecimento, mas sempre pronto para novas aprendizagens e novas experiências. Embarco hoje, dia 20 de setembro de 2014, na companhia de Plínio Tsai, Enrique Ortega e do professor da Unicamp José Júlio Gavião de Almeida. É uma viagem para realizar convênios de intercâmbio entre a Unicamp e três outras universidades chinesas, parte do meu projeto de Pós-doutorado. Mas, o treino de Shuaijiao já está agendado e o Mestre Ma nos aguarda com novos ensinamentos. A expectativa é grande, vamos ver o que nos aguarda. Rumo à China, à Beijing e ao Shuaijiao. Vamos informando vocês no decorrer da viagem. Aguardem.

DSC03747

Anúncios

2 pensamentos sobre “MAIS UMA VIAGEM À BEIJING: CONTINUANDO O APRIMORAMENTO DO SHUAIJIAO

  1. BOA VIAGEM MARCELO, É MARAVILHOSO VER O SEU ENTUSIASMO, COMO DIZIA O MESTRE, QUANDO O PROCESSO É VERDADEIRO O RESULTADO É SEMPRE O SUCESSO.

    GRANDE ABRAÇO, PAZ E LUZ!

    *Cícero Gonçalves 85-88552911 (Oi)*

    * 85-96571369 (Tim)*

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s